Fale conosco
Vídeos
 
 

VIAPLUS 1000
1. Descrição:
Revestimento impermeabilizante, semi-flexível, bi-componente (A+B), à base de cimentos especiais, aditivos minerais e polímeros de excelentes características impermeabilizantes, ótima aderência e excepcional resistência mecânica. É testado sob os mais rigorosos controles de qualidade, sendo o único que resiste a até 60 m.c.a.- metros de coluna d’água.

2. Utilização:
Por se tratar de um produto semi-flexível, Viaplus 1000 é indicado para impermeabilização de sub-solos, cortinas, poços de elevadores, muros de arrimo, baldrames, paredes internas e externas, pisos frios em contato com o solo, reservatórios de água potável, piscinas em concreto enterradas e estruturas sujeitas a infiltração do lençol freático. Indicado como revestimento para ser utilizado antes do assentamento de pisos cerâmicos, evitando a ação de umidade proveniente do solo.
Outras aplicações consultar o Departamento Técnico da Viapol.

3. Vantagens:
Resistente a altas pressões hidrostáticas, tanto positivas quanto negativas.
Não altera a potabilidade da água, sendo atóxico e inodoro.
Produto de fácil aplicação, com trincha ou vassoura de pêlo.
Aplicado sobre superfícies de concreto, alvenaria e argamassa isenta de cal e sem aditivo impermeabilizante, confere excelente aderência sem necessidade de chapisco e primer.
Pode ser estruturado com tela de poliéster (Mantex).

4. Caracteristicas técnicas:
Viaplus 1000 (Componente A)
Aspecto: líquido
Cor: branca
Densidade à 25º: 1,00 a 1,03 g/ml
*PH: 10,5 a 12,0
*Viscosidade de Krebs: 90 a 140 UK
*Aplicação: boa
*Tempo de vida da mistura: máx. 40 minutos
Viaplus 1000 (Componente B)
Aspecto: pó
Cor: cinza
*Viscosidade de Krebs: 90 a 140 UK
*Aplicação: boa
*Tempo de vida da mistura: máx. 40 minutos

5. Normalização:
Ensaios e especificações segundo NBR 11905/92

6. Preparação da superfície:
O substrato deverá apresentar-se limpo, sem partes soltas ou desagregadas, nata de cimento, óleos, desmoldantes etc. Para tanto recomenda-se a lavagem com escova de aço e água ou jato d'água de alta pressão.
Ninhos e falhas de concretagem deverão ser tratados com argamassa de cimento e areia, traço 1:3 (ou Viaplus ST), amassada com solução de água e emulsão adesiva Viafix na proporção de 2:1 em volume. Quando houver ocorrência de jorros d'água no caso das estruturas com influência do lençol freático, executar o tamponamento com cimento de pega ultra rápida Pó2, após prévio preparo do local.

7. Preparação do produto:
Produto fornecido em dois componentes:
Componente A (resina) - Polímeros acrílicos emulsionados.
Componente B (pó cinza) - Cimentos especiais, aditivos impermeabilizantes, plastificantes e agregados minerais.
Adicionar o componente B (pó cinza) aos poucos ao componente A (resina) e misturar mecanicamente por 3 minutos ou manualmente por 5 minutos, dissolvendo possíveis grumos que possam se formar, obtendo-se uma pasta homogênea;
Uma vez misturados os componentes A+B, o tempo de utilização desta mistura não deve ultrapassar o período de 40 minutos, na temperatura de 25ºC. Passando este período não recomendamos sua utilização;
A proporção da mistura é variável de acordo com a forma de aplicação:
Aplicação em pintura (traço e volume): 1 parte do componente A (resina) para 2,5 partes do componente B (pó), usar trincha ou vassoura de pelo.
Aplicação em revestimento (traço em volume): 1 parte do componente A (resina) para 3 partes do componente B (pó), usar desempenadeira ou rodo. Para aplicar com desempenadeira, aplicar inicialmente uma demão com trincha no traço de pintura.
Em hipótese alguma deve ser adicionada água na mistura do Viaplus 1000.

8. Aplicação do produto:
Com a superfície úmida, porém não encharcada, aplicar as demãos necessárias para cada caso, conforme tabela de consumo. As demãos deverão ser aplicadas no sentido cruzado em camadas uniformes com intervalos de 2 a 6 horas dependendo da temperatura ambiente.
Em regiões críticas como ao redor de ralos, calafetar com mástique Monopol Poliuretano, após a secagem completa do Viaplus 1000.
Juntas de concretagem e meias-canas, reforçar o Viaplus 1000 com incorporação de uma tela de poliéster Mantex entre a 2ª e 3ª demão.
Espalhar areia peneirada e seca antes da secagem da última demão do Viaplus 1000.
Aguardar a cura do produto por no mínimo 05 dias antes do teste de estanqueidade e execução da proteção mecânica.
Em áreas abertas ou sob incidência solar promover a hidratação do Viaplus 1000 no mínimo por 72 horas.

9. Argamassa de Proteção Mecânica (se necessário)
Horizontal
Executar argamassa de proteção mecânica de cimento e areia traço 1:3, desempenada com espessura mínima de 3cm.
Vertical
Sobre a impermeabilização, executar chapisco de cimento e areia, traço 1:2, seguido da execução de uma argamassa desempenada de cimento e areia média, traço 1:3, utilizando água de amassamento composta de 1 volume de emulsão adesiva Viafix e 2 volumes de água.

10. Consumo:
Umidade de solo ou água de percolação - 2 kg/m² em 2 demãos.
Pressão hidrost. positiva. no mínimo 25 m.c.a. - 3 a 4 kg/m² em 3 a 4 demãos
Pressão hidrost. negativa até 10 m.c.a. - 4 a 5 kg/m² em 4 a 5 demãos

11. Embalagem:
Caixas de 18 kg (4 unidades líquidas: 4 kg mais 1 unidade Pó: 14 kg)

12. Validade e estocagem:
O produto tem validade de 09 meses, a partir da data de fabricação, desde que armazenado em local seco e ventilado e nas embalagens originais e intactas.

13. Recomendações:
Não aplicar o Viaplus 1000 sobre a massa de regularização que contenha cal ou hidrofugo. Caso seja necessária a utilização destes, substituir por Viacal.
Ambos os componentes não apresentam riscos à saúde quando utilizados corretamente;
Utilizar luvas de borracha para manuseio do produto; Após o uso do produto recomendamos lavar bem as mãos; Caso o produto entre em contato com os olhos ou mucosas, lavar com água limpa em abundância. Caso persista a irritação procurar orientação médica, informando sobre o produto;
Em recintos fechados ou de pouca ventilação, garantir a renovação do ar durante a aplicação e secagem; Aguardar a cura do produto por período mínimo de 5 dias ou conforme condições de temperatura ambiente, umidade relativa e ventilação; Produto formulado para reservatório de água potável ou estação de tratamento de água (E.T.A), não devendo ser utilizado em locais cujo pH seja inferior a 6,0;
Em reservatórios promover a sanitização e desprezar o primeiro carregamento de água, para consumo humano ou animal;
Em piscinas e reservatórios enterrados de concreto, antes da aplicação do sistema impermeabilizante, executar teste de carga d’água por no mínimo 72 horas, para acomodação da estrutura e verificar eventuais aparecimentos de trincas e fissuras que venham a ocorrer quando da carga total e possibilitar a preparação adequada para a superfície a ser impermeabilizada.
É recomendável a utilização de argamassa de proteção mecânica no piso, quando da aplicação em reservatórios de água, devido aos serviços de limpeza a que estas áreas estão sujeitas.
Consultar os seguintes catálogos: Viafix, Viacal, Viaplus ST, Pó 2, Tela de poliéster Mantex e Monopol Poliuretano.


 
 
• copyright © 2008 • Impermak Impermeabilização •
web design joão lobo